WebDesktop - Smartphones - Tablets  | Português | Keeping up-to-date on social exclusion worldwide | Revista de imprensa sobre a exclusão social ea homofobia | NON-PROFIT initiative | Nossa missão é fornecer a melhor informação sobre a exclusão social no mundo || Raising awareness on the damaging effects of social exclusion

STIGMABASE | Pesquisar



Tags about global social exclusion | Português

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Leonardo Vieira: “Tem gente desonesta por aí e estão se importando com minha sexualidade?”

Leonardo Vieira: “Tem gente desonesta por aí e estão se importando com minha sexualidade?”
- Em um ensaio especial e colorido para a QUEM, Leonardo Vieira abre o coração. Fala sobre a homossexualidade e a lenta aceitação da família. E destaca a dificuldade de viver o preconceito também na carreira de ator. O carioca, criado no Leblon, afirma que as pessoas deveriam se preocupar mais com os rumos da política brasileira do que com quem ele beija na boca e aponta a importância de se falar sobre a diversidade sexual. Aos 48 anos, o ator, que já provou o estrelato na década de 90, vivendo Zé Inocêncio, de Renascer, acha que a TV não está preparada para dar o posto de galã a um gay. Na entrevista a seguir, ele, que namora há cinco anos, afirma que quer adotar um filho.